5 Dicas para Criar um Plano de Marketing Digital Eficaz

Marketing Digital

Realizar Marketing Digital pode parecer complicado, mas é necessário entender como criar e manter um plano de marketing digital para ajudar o seu negócio a crescer e ter sucesso.

Quer tenha um negócio que ofereça produtos ou serviços, é importante ter e manter uma boa presença online. Isto porque, há cada vez mais pessoas que utilizam a internet, à procura de boas oportunidades de compra de produtos online.

Uma das melhores formas de aproveitar esta tendência é tornando estes utilizadores e compradores online em leads e, para isso, o desenvolvimento de um plano de marketing digital é imprescindível.

Esta prática tem avançado muito ao longo dos anos, o que tornou mais difícil e confuso para algumas empresas compreenderem as melhores práticas a realizar para desenvolver um plano que funcione para a sua empresa e que alcance resultados.

Mas, existem diversos métodos que pode pôr em prática, para ajudar a gerir os seus clientes, gerar leads, e acompanhar as tendências mais importantes, através do seu plano de marketing digital.

Aqui vão 5 dicas:

1. Faça uma análise SWOT;
2. Crie objetivos SMART;
3. Identifique o seu público-alvo;
4. Descubra os caminhos a seguir;
5. Desenvolva um orçamento para o seu plano.

1. Faça uma análise SWOT

Realizar uma análise SWOT é uma das melhores maneiras de começar o seu plano , pois permite que tenha uma noção melhor de como está o seu negócio e de qual é a sua posição no mercado.

A sigla “SWOT” significa:

– Strengths / Pontos fortes;
– Weaknesses / Pontos fracos;
– Opportunities / Oportunidades;
– Threats / Ameaças;

Os pontos fortes e pontos fracos referem-se à análise interna à sua empresa, ou seja, aquilo que a empresa está a realizar que pode e deve manter e o que deve mudar na sua estratégia.
As oportunidades e ameaças correspondem à análise externa, isto é, dizem respeito aos fatores externos que a empresa pode aproveitar ou com os quais deve ter cuidado, respetivamente.

Analisando cada um destes pontos individualmente:

Identifique onde estão os seus pontos fortes

Pergunte: Em que é que a minha empresa é boa? A minha empresa já tem uma base de clientes fiéis? Como é que a minha empresa se diferencia positivamente da concorrência?

Após compreender os seus pontos fortes, entenderá em que é que se diferencia e é melhor que a sua concorrência: tecnologia, mais experiência, comodidade, disponibilidade, base de clientes leais, etc. São apenas alguns exemplos de pontos fortes que a sua empresa pode ter.

Embora seja um pouco complicado e trabalhoso, há potencial para a sua empresa se organizar e operar com sucesso, com a ajuda de certas táticas, técnicas, programas, ajuda externa, um plano de marketing digital eficaz, etc.

Identifique os pontos fracos da sua empresa

Talvez um pouco mais complicado e complexo, mas se conseguir identificar os pontos fracos da sua empresa, poderá dar prioridade à sua melhoria o que tornará possível que alcance, mais facilmente, o sucesso.

De acordo com a revista “Forbes”, alguns dos desafios mais comuns que as empresas enfrentam, são:

– Criar um plano de marketing digital adequado às tendências modernas das redes sociais;
– Website e segurança cibernética dentro do mesmo;
– Alterar a sua forma de atuar, por exemplo, criar ou modificar a sua presença e estratégia digital.

Identificar os seus pontos fracos pode ser difícil, mas:

Ajuda-o a entender melhor o que poderá estar a fazer de errado e porquê e o que pode fazer para se tornar melhor e a criar soluções eficazes para diminuir os pontos fracos da sua empresa.

Esteja atento às oportunidades que lhe aparecem

Ou seja, pondere quais são as oportunidades externas ao seu negócio que podem surgir. Isso inclui pensar nos seus funcionários, parcerias, base de clientes, mercado, entre outros, para encontrar novas oportunidades externas à sua empresa.

Por exemplo: os seus clientes começam a comprar ou necessitar do seu produto ou serviço mais do que esperava.
Apesar de ser uma boa oportunidade, se não souber ou conseguir vender para tantos clientes ao mesmo tempo, deixá-la-á escapar e o que antes era uma oportunidade, passa a ser uma ameaça.

Deve ter em mente novas estratégias e fatores externos que permitam melhorar o seu negócio e impulsionar as suas vendas.

Esteja igualmente atento às ameaças que o seu negócio enfrenta

Pergunte: O que se passa? Os seus clientes não o escolhem porque há uma empresa que oferece preços mais baixos? Há uma empresa que tem uma presença online ou física mais eficaz do que a sua?

Problemas com a sua estratégia e comunicação digital prejudicam a sua capacidade de vender produtos ou serviços, mesmo que existam clientes dispostos a comprá-los.

Deve considerar estas e outras questões referentes a fatores externos, quando formular os objetivos, estratégias e táticas a seguir conjuntamente com o seu plano de marketing digital.

2. Crie objetivos SMART

Specific / Específicos – Divida os seus objetivos em objetivos de curto-prazo e longo-prazo. Para além disso, defina um objetivo o mais especificamente possível.

Exemplo: “Alcançar mais 10 clientes até ao final do mês” ao invés de “Aumentar o número de clientes”.

Measurable / Mensuráveis – Os seus objetivos devem ser possíveis de medir através de métricas (como KPI’s e outras relevantes para os objetivos a seguir) e análises de dados.

Attainable / Alcançáveis – Devem ser atingíveis e realistas tendo em consideração os recursos, tempo e orçamento disponíveis. “Não dê um passo maior que a perna”.

Relevant / Relevantes – Os objetivos a definir devem ir de acordo com a estratégia global e objetivos principais da sua empresa.

Time-bound / Temporais – Estabeleça um prazo para atingir os seus objetivos (tanto de curto como de longo-prazo).

Objetivos de Curto-Prazo

Quando criar o seu plano de marketing digital certifique-se que traça objetivos a curto e a longo prazo.

Um exemplo de um objetivo a curto-prazo, seria: “Vou ter mais 40 vendas até ao final da próxima semana.”

Objetivos de Longo-Prazo

Os objetivos de longo-prazo são traçados para uma data mais distante, por exemplo daqui a 1 ano ou daqui a vários anos.

Exemplos: Quero fazer com que a minha empresa apareça num bom lugar dos rankings da Google até ao final do próximo ano, através de SEO.
Pretendo expandir o meu público-alvo e fazer com que jovens-adultos e crianças correspondam a 35% ou mais desse público, até 2025.

Ao traçar estes objetivos irá aumentar o moral dos seus colaboradores, manter a sua empresa no caminho certo e ajudar a definir uma visão e um bom plano de marketing digital para a sua empresa.

3. Identifique o seu público-alvo

Sem um público-alvo bem definido é muito mais complicado que a sua estratégia digital funcione como pretendido.

Pergunte: para quem é o meu negócio e os meus produtos ou serviços?

Segmente os seus clientes com base em alguns dados como: idade, género, localização, interesses, estatuto social, valores, hábitos de compra, entre outros fatores demográficos, geográficos, psicográficos e comportamentais.

Crie uma “buyer persona”, uma espécie de modelo que pode utilizar para criar o seu conteúdo e comunicação da melhor forma e para o público certo. Muitas vezes, é necessário ter mais do que uma “buyer persona”.

Ponha-se no lugar do cliente e pergunte: “O que é que me faz escolher esta empresa ao invés de outra?”

Qualquer que seja o seu público-alvo é extremamente importante que se foque em construir e melhorar continuamente os seus canais digitais, de modo a satisfazer os seus clientes ou potenciais clientes.

As estatísticas verificam que 50% dos consumidores não voltam a entrar no seu website se não gostarem daquilo que veem (conteúdo, otimização, design, etc).

4. Descubra os caminhos a seguir na sua estratégia de marketing digital

Existem diversas formas de aumentar as suas vendas e o tráfego para o seu website.

Alguns exemplos, incluem:

– Redes Sociais

As empresas dizem que as redes sociais têm ajudado a aumentar o tráfego em até 75%.

Atualmente, marketing digital nas redes sociais é bastante económico, eficaz e eficiente. Procure tirar partido dos benefícios da criação de conteúdo para redes sociais.

– Pay-Per-Click (PPC)

A publicidade pay-per-click é uma forma mais tradicional de publicidade que traz tráfego para o seu website, mas terá de pagar aos anunciantes pela quantidade de cliques que obtém no seu site.

Esta forma de publicidade é mais intrusiva e mais difícil de gerar tráfego para o seu website no longo-prazo (embora boa para resultados de curto-prazo), ao contrário do marketing de conteúdo.

– SEO

SEO ou “Otimização para Motores de Busca” é uma das melhores formas existentes para aumentar o seu tráfego online.

Ao otimizar o seu website para SEO e criar conteúdos úteis, os motores de busca, como o Google irão colocar o seu website numa melhor posição e recomendá-lo a mais utilizadores de acordo com aquilo que estes procuram.

Assim, gerará mais tráfego para o seu website e provavelmente irá aumentar as suas leads e vendas.
O tráfego para o seu website continuará permanentemente, enquanto continuar a manter boas práticas de SEO.

5. Desenvolva um orçamento para o seu plano

Dependendo do seu orçamento, pode optar por implementar, algumas, todas, ou mesmo outras estratégias de marketing digital não mencionadas, para realizar o seu plano.

Assim que estabelecer um orçamento, começa a perceber e adquirir o necessário para implementar o seu plano de melhor forma e alcançar os seus objetivos. Recomendamos:

Recorrer a ajuda externa não só para melhorar a sua compreensão de marketing digital, mas também para deixar a criação do conteúdo nas mãos de especialistas mais experientes e poupar tempo para outras tarefas.
– Investir na criação de conteúdos digitais.
– Investir algum tempo para treinar as suas equipas a serem cada vez mais competentes em marketing digital.
Contratar agências digitais para ajudar a sua empresa em todos estes aspetos.

Criar um plano de marketing digital pode parecer algo ainda muito novo, mas é extremamente necessário para aumentar as receitas e assegurar o sucesso do seu negócio.

Esperemos que, usando estas 5 dicas consiga melhorar a sua empresa e estar mais perto de alcançar o sucesso no meio digital.

Se pretender uma equipa profissional para o ajudar a melhorar a sua estratégia ou plano de marketing digital, contacte a Mixlife.